Lá Vem o Negão - Cravo e Canela

Postado Por: Carlos A. de Alencar


"Lá vem o negão
Cheio de paixão
Te catá, te catá, te catá
Querendo ganhar todas menininhas
Nem corôa ele perdoa não"





Lá vem o negão
Cheio de paixão
Te catá, te catá, te catá
Querendo ganhar todas menininhas
Nem corôa ele perdoa não
Fungou no cangote
Da linda morena
Te catá, te catá, te catá
Loirinha com a fungada do negão
É um problema
Loirinha com a fungada do negão
É um problema
Se ninguém soube lhe amar
Pode se preparar chegou a salvação
Só alegria, pode se arrumar
Que chegou o negão
Mas se é compromissada
É melhor não vacilar
Basta um sorriso um olhar
Para o negão te catar
Lá vem o negão
Cheio de paixão
Te catá, te catá, te catá
Querendo ganhar todas menininhas
Nem corôa ele perdoa não
Fungou no cangote
Da linda morena
Te catá, te catá, te catá
Loirinha com a fungada do negão
É um problema
Loirinha com a fungada do negão
É um problema
Vem negão, vem depressa
É o mulherio a gritar
Vem negão, a hora é essa
Vamos deitar e rolar
Na praia, na rua, no supermercado
Na feira é a maior curtição
As garotinhas já vem requebrando
Pra ficar com esse negão
Compartilhe nas redes sociais: Facebook Twitter Google+